: : : para nossos 80 anos

Blog

06 de fevereiro de 2020

Linhas para bordado: 7 opções que você precisa conhecer!

Se antigamente as linhas para bordado eram escassas, hoje, existem opções de sobra por aí. Dessa forma, é possível encontrar infinitas cores e matérias-primas no mercado.

 

Por isso, no post de hoje, você vai conhecer 7 opções de linhas para bordado que são ideais para criar seus próximos trabalhos.

 

No entanto, antes de saber quais são os materiais perfeitos para seu próximo projeto, vamos percorrer brevemente a história dessa linda arte.

 

É inegável, o bordado é um ofício que acumula admiradores e praticantes ao longo da história. Mas, apesar de essa técnica ser tão conhecida, pouco se sabe sobre sua origem. Temos conhecimento apenas de que ela é ainda mais antiga do que se pode imaginar.

 

Agora, venha com a gente fazer por essa viagem ao universo do bordado!

 

O que é bordado?

 

Em resumo, o bordado é uma forma de decorar tecidos variados com desenhos, símbolos, letras, palavras e frases.

 

Essa arte é uma representação da cultura humana. Isso quer dizer que não podemos atribuir sua origem a uma determinada região, apenas.

 

Na história do bordado, várias partes do mundo têm sua participação e contribuíram grandemente com o aprimoramento dessa técnica antes de ela chegar até nós, aqui no Brasil.

 

Por isso, essa é considerada uma arte universal que tem tudo a ver com delicadeza, beleza, carinho, e que trata também da personalização de itens diversos, principalmente de peças que temos casa. Seja para uso pessoal ou com a intenção de presentear outras pessoas especiais.

 

Como é feito o bordado?

 

Para bordar, é preciso, basicamente, de três coisas: tecido, agulha e linha. Depois, é só utilizar a imaginação e dar vida aos trabalhos.

 

Além de diversos materiais, o bordado pode ser feito com fios de algodão, seda, lã e linho. Há também várias técnicas, pontos, motivos e formas de aplicar os bordados às peças.

 

Quanto às formas de fazer, existem duas: à mão ou à máquina. Apesar de a forma manual ser a mais conhecida, a arte do bordado também pode ficar por conta da tecnologia.

 

Assim, existem maquinários supermodernos que bordam lindos desenhos em tecidos variados de uma forma bastante rápida, precisa e eficaz.

 

Origem do bordado

 

Como já mencionamos anteriormente, a origem do bordado é muito mais antiga do que se imagina. Ela caminha junto à origem do ponto cruz, que também é uma espécie de bordado.

 

Além disso, pesquisadores da nossa época já chegaram a encontrar fósseis vestidos com peças adornadas. E os primeiros registros de bordado que existem no mundo datam da pré-história, no período paleolítico, há cerca de 2,7 milhões de anos atrás.

 

Você pode estar surpreso, mas lembre-se: naquela época, os serem humanos precisavam se proteger do frio. E, para isso, contavam apenas com as peles dos animais que caçavam.

 

Assim, precisavam uni-las de uma forma que se encaixassem ao corpo. E, dessa forma, surgiram as primeiras formas de costura.

 

Naquela época, as agulhas eram feitas de ossos e as linhas eram de fibras vegetais ou partes do intestino de animais abatidos durante a caça.

 

Há registros também de bordados à mão no Egito, durante a Idade do Bronze, um período que foi de 3.000 a 1.200 anos antes de Cristo.

 

Na China, havia bordados em seda já no século IV (4) antes de Cristo.

 

E, atualmente, mas ainda bastante longevo, há o registro de um dos maiores e mais antigos bordados de que sabemos que existe: o Bordado de Bayeux.

 

Com 70 metros de comprimento, essa peça foi feita por diversas pessoas, bordadeiras, que habitaram a região da Normandia, na França, entre os anos 1.070 e 1.166.

 

Esse bordado foi feito com fios de lã e algodão, em um único pedaço de tecido, nas cores que existiam na época: branco, marrom e ocre.

 

Sobre a temática, os acontecimentos representados no bordado são algumas cenas da Batalha de Hasting, que tratou da invasão dos normandos à Inglaterra, em 1.066.

 

Modernização do bordado

 

Na atualidade, o bordado ou a costura não representam só necessidade. Agora, eles têm tudo a ver com beleza.

 

Então, a partir do século VII (7), pode-se dizer que o Ocidente passou a se interessar mais por essa técnica como uma espécie de adorno, para enfeitar os ambientes.

 

Por isso, logo que o bordado chegou às nossas regiões, era bastante utilizadas para a decoração de igrejas.

 

Mas, já na Idade Moderna, um período que começa depois de Cristo, no ano de 1.453, o bordado não era só decorativo. Ele também passou a fazer parte das roupas comuns.

 

Porém, só daqueles que podiam pagar por uma peça customizada.

 

Peças bordadas eram, e ainda são consideradas muito sofisticadas, principalmente porque as linhas para bordado na época eram muito raras e caras, já que eram feitas e tingidas à mão.

 

No final do século XIX (19), com a industrialização desse processo, é que as primeiras fábricas de linhas para bordado, costura, crochê e tricô do Brasil – como a Círculo, surgiram e começaram a popularizar esses produtos.

 

A valorização do bordado à mão

 

Por fim, atualmente, muitas pessoas aprendem o ofício do bordado ainda na infância, vendo familiares realizarem essa atividade.

 

E, mesmo que os anos tenham passado e a modernização também tenha chegado ao bordado, com o surgimento das máquinas no século XX (20), por exemplo, o bordar à mão ainda era, e é o estilo favorito de customização das peças, por ser considerado mais chique.

 

Estamos vivendo uma era em que tudo é tecnológico. Diante disso, o humano tem voltado a ganhar destaque e valor. Talvez por isso, trabalhos à mão em geral e o bordado estão sendo muito valorizados atualmente.

 

Seja em toalhas, roupas de cama, itens de decoração e peças de vestuário, a personalização está em alta, por isso, o bordado à mão tem alcançado muito mais sucesso.

 

Essa prática não é só antiga, ela tornou-se moderna, contemporânea, estilosa e ajustou-se aos tempos e pessoas de hoje. A essência continua a mesma, mas a arte está muito mais aperfeiçoada.

 

Além disso, sabemos que para alguns artesãos, como você que está nos lendo agora, o bordado é uma excelente fonte de renda.

 

Viu só? A história do bordado é incrível e essa técnica só ficou ainda melhor com o passar do tempo.

 

Agora, chegou a hora de conhecer quais são as melhores linhas para bordado que você pode utilizar para criar suas peças personalizadas.

 

Linhas para bordado

 

Maxi Mouline

 

Essa é a escolha ideal para os seus bordados mais sublimes!

 

Maxi Mouline possui 300 cores em sua cartela e é composto por um material de excelente qualidade. Esse fio é 100% algodão penteado, gazado e mercerizado.

 

Cléinha

 

Alta qualidade e cores firmes fazem de Cléinha uma indicação de ouro para seus bordados!

 

Esse fio é 100% composto por massa pura de algodão e possui 64 cores lisas na cartela e 19 multicoloridas.

 

Susi

 

Uma surpresa boa para seus bordados!

 

Susi é aquela opção linda, cheia de qualidade, mas que muita gente nunca imaginou ser possível.

 

Experimente, você vai se apaixonar pelo brilho e lindas 39 cores desse fio 100% viscose.

 

Rubi

 

Qualidade é importante em qualquer trabalho. Por isso, aposte em Rubi, uma preciosidade para quem preza por peças impecáveis.

 

Você vai amar tanto brilho e maciez de mais essa excelente opção para seus bordados. Rubi é 100% composto por algodão gazado e mercerizado, e possui 75 lindas cores.

 

Queen

 

O fio da realeza também fica lindo em delicados bordados. Aposte em Queen para seus próximos trabalhos e tenha peças incríveis com o melhor fio de algodão do mercado.

 

Queen possui 17 cores e é 100% composto por algodão egípcio penteado, gazado e mercerizado.

 

Anne 65

 

Os pequenos detalhes também são importantes! Anne 65 pode te ajudar a valorizar todas as suas criações com cores firmes e alegres.

 

Seus bordados ficarão de um jeito que você nunca viu com esse lindo fio 100% algodão mercerizado que possui 64 cores lisas e 19 multicoloridas.

 

Linha para Bordar à máquina

 

Além de todas as opções para trabalhar à mão, temos nossa Linha para Bordar à máquina. Essa é a melhor opção para você que trabalha com peças delicadas, elegantes, e que precisam apresentar qualidade e sofisticação.

 

Versátil, resistente e com alto brilho, esse produto maravilhoso é 100% poliéster e pode ser utilizado para costuras mecânicas variadas, principalmente em trabalhos de cama, mesa e banho.

 

A cartela da Linha para Bordado à Máquina é supercompleta e conta com 102 cores incríveis para atender a todas as suas necessidades.

 

Inspire-se!

 

Agora que você já conhece a história do bordado e sabe quais os melhores fios para se trabalhar, inspire-se com nossas sugestões de peças e crie seus próprios trabalhos personalizados para decorar sua casa ou suas roupas.

 

Para acessar as receitas abaixo, basta clicar sobre as fotos. Se quiser encontrar muitas outras receitas de bordado, basta acessar a seção de bordados de nosso site, clicando aqui.

 

bordado floral em almofada azul

bastidor floral e borboleta em parede

bordados folhagens

panos de prato bordados com dias da semana

blusa laranja bordada

bordados de lhamas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Utilize a #

 

Acompanhar você e o seu desenvolvimento utilizando nossos produtos é o que nos faz mais feliz!

 

Assim como o bordado, é muito especial ver como você se torna ainda melhor com o tempo.

 

Mas, para conseguirmos estar sempre perto de você, precisamos que compartilhe o resultado de seu trabalho com a gente.

 

É só publicar as fotos de suas peças no Facebook e no Instagram com a #semprecirculo!

 

Tem alguma história legal sobre bordado para contar? Então, escreva aqui nos comentários!

 

Até a próxima!

Acesse agora

Organize e encontre de forma fácil todas as suas receitas favoritas

Primeiro acesso?

Ainda não tem uma conta no nosso site?
Digite seu email e crie uma agora mesmo.

Acesse sua conta

Perdeu a senha?

Preencha seus dados para finalizar o cadastro:

Quais assuntos você tem mais interesse?*





« Fazer login